usina 3

Presidente do Max Min, Wagner Batista, visita obras da Usina Fotovoltaica, que atenderá 74% do clube

O Max Min Clube é, de fato, um clube fora do seu tempo. Ao implementar uma Usina de geração de energia por painel solar em suas dependências, o clube não só inova como larga na frente de outros grandes clubes do país. Em breve o Max passará a gerar sua própria energia. O sistema de 248,04 kWp atenderá 74% do consumo do clube representará uma economia de mais de R$ 3,5 milhões nos próximos 25 anos.

Na última semana, o presidente do Max Min, Wagner Batista Castro, acompanhado do Diretor Financeiro, Charles Caldeira Veloso e do Presidente do Conselho Deliberativo, José Geraldo Maia Batista fizeram uma visita ao canteiro de obras, na região Sul do Clube, onde já se encontram instalados vários painéis no teto do ginásio de tênis.

A cobertura especial do estacionamento sul do clube já é realidade e está em fase final de conclusão. Depois que as bases foram consolidadas, os técnicos agora seguem, em ritmo acelerado, com a instalação da estrutura que, quando estiver concluída, dará mais tranquilidade e comodidade ao associado e, consequentemente, economia de energia ao Max Min. Em breve os associados perceberão também uma mudança significativa na iluminação do clube, que promove a troca das lâmpadas atuais pelas lâmpadas de LED.

Energia Solar

Para o presidente do Max, Wagner Batista, “a parceria com a Engie Solar no nosso primeiro ano de gestão trouxe uma solução diferenciada que vai ajudar a reduzir despesas com energia elétrica e outros gastos operacionais, ao mesmo tempo, vai garantir conforto aos associados e visitantes com a geração de energia solar. Com essa iniciativa, preservamos o meio ambiente e utilizamos melhor os nossos recursos naturais, trazendo bem-estar e segurança aos nossos associados, colaboradores, parceiros e visitantes”, comemora.

A ação inovadora faz parte do Plano Diretor para o triênio 2017/2019 que está em fase de execução. Entre as obras já executadas estão: construção de estacionamento para mais de 500 veículos, asfaltamento de toda a área do clube, no entorno dos campos de futebol e tênis, construção de muro no entorno do clube, fechamento da rua central que passa entre as quadras e o campo de futebol (Alameda Wagner Batista), Quadra de Beach Tennis e Vôlei de Areia e a Construção de novo Parque Infantil.

Veja mais fotos
OBRAS USINA FOTOVOLTAICA
(Fotos: Andrey Librelon/Max Min)

 

Sobre o Sistema Fotovoltaico do Max Min Clube

Dimensão: 248,04 kWp

Número de painéis: 936

Área necessária: 1656 m²

Geração anual estimada: 388.181 kWh

Consumo atendido: 74%

 

Por Andrey Librelon

open

Max recebe Open Somai de Vôlei de Areia nos dias 17 e 18 de fevereiro

 

As quadras de areia do Max vão ficar movimentadas em fevereiro. Isso porque o Max Min Clube recebe nos dias 17 e 18 de fevereiro o Open Somai Vôlei de Praia, evento realizado pela Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) como iniciativa dos acadêmicos do 5º período de Educação Física (Bacharelado) da Universidade em parceria com a empresa Somai Alimentos.

De acordo com a acadêmica e atleta Áquila Larissa, as disputas ocorrerão nas categorias Dupla Masculino e Feminino (aberto para não sócios do clube) e Trio Feminino, esta categoria apenas para associados do Max Min.

“É uma satisfação enorme para nós sediar um evento desse nível, em parceria com a Unimontes e com a empresa Somai. Temos um número expressivo de atletas que praticam essa modalidade, que cresce a cada ano no Max Min. Fizemos vários investimentos, como a ampliação de quadras e a construção da Alameda Wagner Batista. Nossa estrutura é comparada aos melhores clubes do país”, destaca o presidente do Max Min, Wagner Batista.

“Uma das novidades desse evento é que todos os inscritos ganharão 1 ingresso para assistir ao Montes Claros Vôlei”, convoca a acadêmica. A partida entre Montes Claros Vôlei x Sesi, válida pela 6ª rodada da Superliga Masculina de Vôlei, acontece no dia 17 de fevereiro, às 19h, no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves (Tancredão).

Premiação

Um dos atrativos do torneio é a premiação. O primeiro lugar garante R$ 1000, o 2º lugar R$ 500 e o 3º R$250. Vale lembrar que a premiação, nas duplas, está condicionada ao número de participantes.

 

Mais informações pelos telefones

(38) 99959-7631 (Áquila)

(38) 99104-1876 (Bárbara)

(38) 99149-6430 (Camila)

(77) 99119-3588 (João)

(38) 99187-0837 (Kamila

 

Por Andrey Librelon

 

 

 

mockup-maxmin

Max Min Clube vai emitir convites pela internet

Agora ficou mais fácil e prático. A partir do dia 1º de fevereiro de 2018, a retirada de convites pelos associados do Max Min Clube será modernizada e automatizada. Os procedimentos serão feitos pela internet.

Em comunicado, publicado nesta sexta-feira (19), a Diretoria Executiva do clube esclarece que “o fornecimento de convites aos sócios seguirá o Estatuto Social e Regimento Interno em vigor”, documentos disponíveis em www.maxmin.com.br para consulta.

“A implementação do novo sistema acompanha a nossa busca constante por modernizar os processos internos, facilitando a rotina dos nossos diretores, associados, colaboradores e parceiros com essa plataforma eficiente, rápida e moderna”, explica o presidente do Max Min Clube, Wagner Batista Castro.

Vale lembrar que o novo sistema estará disponível apenas dia 1º de fevereiro de 2018.

 

Siga as orientações abaixo para saber como acessar. É fácil e prático!

 

1 – Efetue seu cadastro na secretaria e/ou portaria do clube apresentando

seu documento de identificação;

2 – Você receberá por e-mail a senha de acesso ao sistema do clube;

3 – Entre no site http://www.maxmin.com.br e clique em “Meu Maxmin”;

4 – No site que é apresentado informe o seu e-mail e a senha que você

recebeu por e-mail ao se cadastrar no clube;

5 – Clique em “Emitir Convite”;

6 – Na tela apresentada, preencha os campos solicitados, informando a

data do convite, os convidados, número de CPF e o grau de parentesco;

7 – Clique em “Emitir Convite”;

8 – O convite será exibido, imprima ou anote o número do convite para garantir a entrada no clube, lembre-se de levar os documentos com CPF de todos os convidados para conferência na portaria.

(Diretoria Executiva)

 

Por Andrey Librelon

colonia 1

Inscrições abertas para a 13ª edição da Colônia de Férias Max Min Clube

Estão abertas as inscrições para mais uma edição da Colônia de Férias Divertidas Max Min Clube, evento infantil realizado em parceria com a Villa Kids. A programação acontecerá em dois momentos: 15 a 19 e 22 a 26 de janeiro de 2018. Faça já a inscrição do seu filhote. As vagas são limitadas!

Organizada pela associada Kelly Cardoso, a Colônia de Férias Divertidas acontece no Max Min Clube há 13 anos com uma programação bem diversa. “Resgatamos sempre as brincadeiras infantis, num ambiente onde as crianças criam seus próprios brinquedos, estimulados pelas brincadeiras de rua, esportes”, explica.

Um dos momentos mais legais das Férias Divertidas é o tradicional Mini Chef, quando as crianças são estimuladas a conhecer cada etapa e como são preparados os alimentos. Todos os procedimentos são acompanhados por monitores, como enfermeiros, salva-vidas, tradutores e pedagogos.

A Colônia de Férias é aberta apenas aos filhos de sócios do Max Min Clube. Os pais podem inscrever crianças de 3 a 12 anos. A inscrição garante aos pequenos lanche e o kit com camisa, boné e bolsa.

Mais informações pelo telefone: (38) 99115-6267  com Kelly Cardoso Cardoso ou na Secretaria do Clube (38) 3215-1174 /3215-1222 ou pelos e-mails: clube@maxmin.com.br / maxmin@maxmin.com.br

Por Andrey Librelon

vista aérea

2018 é agora! Presidente prevê mais obras e benefícios aos associados do Max

Bases de sustentação da cobertura do novo estacionamento do Max Min Clube (foto: Rubem Ribeiro)

O ano de 2017 foi de certa forma especial pra gente. Além de vários eventos prestigiados e bem executados por nossas equipes, com envolvimento direto de diretores, colaboradores e parceiros, várias obras planejadas para o ano foram entregues aos associados, no primeiro ano de mandato do presidente Wagner Batista Castro.

Em 2018 não pode ser diferente. Você, que frequenta o Max Min durante a semana ou mesmo apenas no fim de semana, deve ter notado que as obras continuam… A construção da base de sustentação da cobertura do novo estacionamento – localizada atrás das quadras cobertas de tênis – já está em fase de implementação. Ali serão construídos os abrigos dos veículos, onde serão montadas as placas solares que produzirão energia sustentável para todo o clube.

Vista aérea do Max Min Clube (foto: W&W Vídeos e Produções)

Por falar nisso, a implantação da Energia Fotovoltaica é considerada um marco para a história do Max e principal aquisição do clube para o futuro. A parceria com a Engie Solar, uma das maiores empresas do mundo em energia, coloca o Max Min Clube na vanguarda e o destaca como um dos melhores clubes do país.

“A partir de 2018, vamos ter a nossa própria energia a partir do sistema fotovoltaico, que atenderá 74% do consumo do clube, o que representará uma economia de mais de R$ 3,5 milhões nos próximos 25 anos. Buscamos várias alternativas para solucionar esse problema e esta se tornou a mais viável. Agora, vamos para mais um ano de muito trabalho, com novos desafios a serem superados e mais realizações para o nosso clube, que está bonito, alegre, aconchegante e moderno, como deve ser”, projeta Wagner Batista Castro.

 

Por Andrey Librelon

Quadra de Tênis do Max Min (foto: Solon Queiroz)

Max Min Clube recebe presidente da Federação Mineira de Tênis, François Rahme

O Max Min Clube recebe nesta quinta-feira (14/12) em sua sede para uma visita de cortesia o presidente da Federação Mineira de Tênis (FMT), o engenheiro civil e empresário François Succar Rahme. Também participa da reunião o diretor de eventos da FMT, Francisco Cardia.

A reunião acontece às 19h no Salão Social e é aberta à participação dos sócios e atletas do clube.

Resultado de imagem para François Rahme

Presidente da FMT, François Succar Rahme (foto: Linkedin)

De acordo com um dos diretores do Tênis do Max, Ricardo dos Santos Barbosa (Picado), entre os temas que serão tratados na reunião estão o Torneios de Classes, Torneio InfantoJuvenil e Torneios que valem 500 e 1000 pontos. “Importante frisar que estes torneios são para os atletas de Montes Claros e de todo estado de Minas Gerais. Por essa importância, gostaria de contar com a participação de todos, inclusive dos professores do clube e de outras escolas da cidade”, acrescenta Picado.

O empresário François Succar Rahme é ex-atleta da base do Minas Tênis Clube. Foi o idealizador do confronto entre Brasil e Equador no Minas, em julho de 2016. François Rahme traz em sua gestão um grupo formado por empresários, ex-atletas e profissionais do esporte. Juntos, estão trabalhando para que, de forma integrada, contribuam com excelência para o desenvolvimento do tênis em Minas Gerais.

 

Por Andrey Librelon – Jornalista

Foto superior – Solon Queiroz

max celebra

Você não pode perder o Max Celebra, dia 10/12

O próximo fim de semana será muito especial pra gente. Isso porque várias obras e novos espaços que foram planejados, discutidos e construídos ao longo de 2017 serão entregues no domingo (10) aos nossos associados com uma programação mais que especial que contará com o som da dupla sertaneja montes-clarense, Sérgio e Rodrigo, e música eletrônica com o DJ Luan Amorin. Tudo isso a partir das 8h de domingo.

Se o fim de semana será especial, nada melhor que ter uma programação exclusiva que demonstre a evolução de tudo o que foi construído no primeiro ano de gestão do presidente Wagner Batista Castro.

As obras finalizadas em 2017 e que serão entregues aos associados são a construção de 912 metros de muro e concertina (barreira de segurança laminada) entorno do Max Min; Pavimentação asfáltica de 20.000m² ao longo do clube; Construção do Recanto do Soim; Construção da Alameda Wagner Batista, que reúne o complexo esportivo com quadras de badminton, beach tênnis, vôlei de areia, futevôlei e squash; Novo playground; Revitalização de jardins e passarelas e a renovação da pintura de vários setores do clube.

Energia Fotovoltaica, um marco na história do Max

Isso sem falar na principal aquisição do clube para o futuro: a assinatura de contrato com a Engie Solar, uma das maiores empresas do mundo em energia. A parceria atesta que o Max está de olho no futuro, que é sustentável. A partir de 2018, o clube vai gerar sua própria energia a partir do sistema fotovoltaico, que atenderá 74% do consumo do clube, o que representará uma economia de mais de R$ 3,5 milhões nos próximos 25 anos.

Presidente do Max Min Clube, Wagner Batista Castro (foto: Arquivo/Max Min)

“Passamos um ano buscando alternativas para solucionar nosso problema com o alto custo da energia. Depois de analisar várias opções, a energia solar foi a mais viável. Estamos muito satisfeitos com o acordo que fechamos com a ENGIE”, comemora o presidente do Max Min Clube, Wagner Batista Castro.

Alegria é palavra de ordem no Max Min. Isso porque o presidente, em seu primeiro ano de mandato, diz se sentir orgulhoso e abençoado por Deus pelas conquistas, obras e parcerias que o clube firmou em 2017. “Temos feito obras pontuais no Max Min. Um bom exemplo é a construção do muro. Tínhamos um problema sério com a segurança. Muramos todo o entorno do Max Min e também asfaltamos boa parte do clube que não era asfaltada. Além disso, uma rua que cruzava o clube ao meio e trazia transtorno às famílias, construímos uma alameda”, elenca Wagner Batista, que emprestará o nome à Alameda a ser inaugurada.

“Graças a Deus fizemos até mais do que programamos para o primeiro ano de gestão. Espero que em 2018 tudo ocorra bem como neste primeiro ano”, projeta o presidente Wagner.

Para o dia 10/12 estão previstas também as finais dos campeonatos de Vôlei de Areia, Peteca na Areia, Beach Tênnis, Buraco e Futevôlei.

Esperamos você para, juntos, comemorarmos os avanços e o futuro que nos espera.

 

Por Andrey Librelon